25/07/2017

MENAGE | "They Never Call"


A banda luso-canadiana Menage lançam um single surpresa de verão intitulado "They Never Call".

Produzido por Dale Penner e David Bottrill (Mixing), "They Never Call" foi escrito em ambos os países, Portugal e Canadá, e é o primeiro aroma do que virá com o novo álbum a sair este ano.

"They Never Call" é agora lançado em estreia exclusiva na idobi.com e idobi/anthm, as rádios (internet) mais escutadas em todo o mundo.

GOLDEN SLUMBERS | Vila Real

REGUENGOS WINE & BLUES FRST | Reguengos de Monsaraz

24/07/2017

SOUNDVILLE 2017 | Primeiras Confirmações


A primeira edição do Soundville está agendada para sábado 26 de Agosto, na Azenha das Pesqueiras, junto ao rio Neiva. São doze horas de música pela noite dentro que assentam na construção de vários palcos e espaços orgânicos em harmonia com a envolvente florestal.

Os norte-americanos Jucifer, os espanhóis Boyanka Kostova e os portugueses A Jigsaw, :Papercutz e Ângela Polícia estão entre as primeiras confirmações em cartaz.​​

O Soundville é uma iniciativa que resulta de um protocolo de cooperação associativa celebrado entre o Núcleo de Apoio às Artes Musicais e o Futebol Clube Lírio do Neiva, no intuito de dinamizar um espaço de grande valor cultural e paisagístico que faz fronteira entre as freguesias de Durrães e Barroselas e entre os concelhos de Barcelos e Viana do Castelo.

O GAJO | Amadora


São sombras vagas de final de tarde que povoam o universo d'O Gajo e nos contam histórias da cidade oculta. “5300 noites” passadas no “Miradouro da Batucada” onde “A Carteirista” aguarda paciente ao som do “Cego e a Guitarra”. Assim navega o “Navio dos Loucos”, comandado pelas mãos que tecem emoções e pensamentos.

“Longe do Chão” é um voo sobre nós próprios embalados por uma Viola Campaniça que nos enche como a maré e nos inunda com sentimentos de naufrágio.

O Gajo nasce em Lisboa na primavera de 2016 pelas mãos de João Morais com o intuito de ligar a sua música à terra que o viu nascer, Portugal. É assim que surge a relação com a Viola Campaniça, um instrumento de raiz tradicional que faz parte da história centenária e cultural portuguesa. É em Beja que O Gajo conhece a Viola Campaniça mas a que traz para Lisboa ganha novas tonalidades.

Afasta-se da linguagem mais tradicional explorando novos caminhos mas mantendo intacta a sua Portugalidade. As composições do Gajo podem soar a fado, mas não são fado, podem soar a música tradicional, mas não são música tradicional, são um híbrido disso tudo e muito mais. 

O Gajo toca música do mundo. Depois de tocar por todo o país, 2017 chega com a gravação do primeiro disco. que conta com o apoio e financiamento da Fundação GDA. O passo seguinte será levar a Campaniça a todo o lado e mostrar que as nossas raízes ainda podem dar muito fruto.

26 de Agosto - Cineteatro Municipal D. João V, Amadora

:PAPERCUTZ AO PÔR DO SOL | Teatro de Vila Real

CARTAZ | Concerto

23/07/2017

MAL & CURA | "Serei Eu"


Nada melhor do que uma boa música para acompanhar uma quente tarde de verão, certo? Os Mal & Cura que o digam, afinal de contas lançam agora o seu single de estreia, uma poderosa criação pop intitulada “Serei Eu”.

Com uma letra descontraída mas certeira, e um sorriso omnipresente no rosto, esta é a primeira amostra do EP Digital que editarão em breve. O quarteto é a nova aposta nacional com a chancela da Music For All, estando prometidas mais novidades para muito em breve!

AL MOURARIA | Agenda


Agenda:

28 de Julho - Campo Maior, Praça da República (21.30h)

29 de Julho - Vila Nova de S. Bento, Feira anual do presunto e enchidos (22.00h)

04 de Agosto - Nerva, Espanha (20.00h)

05 de Agosto - Lagos, Centro Cultural (21.00h)

16 de Setembro - Vale do Lobo, Auditorium (19.30h)

www.facebook.com/AlMouraria

FESTIVAL INTERCÉLTICO DE SENDIM

22/07/2017

MOONSPELL | "1755"


Os Moonspell e a Alma Mater Records orgulham-se de apresentar "1755", novo álbum dos Moonspell que irá incidir sobre o terramoto que devastou Lisboa no século XVIII.

A ser editado a 3 de Novembro, é o primeiro disco da banda totalmente cantado em português e tem o fadista Paulo Bragança como convidado no primeiro single a lançar em Setembro, "In Tremor Dei".

O novo disco será apresentado, pela primeira vez, ainda antes da sua edição e em sessão tripla da "Tour 1755": dois concertos em Lisboa (30 e 31 de Outubro) e um regresso muito aguardado ao Porto onde os Moonspell não tocam há mais de dois anos, no primeiro de Novembro.

"1755" será tocado na íntegra nestes concertos de apresentação em Lisboa e no Porto, que contam ainda com a presença do fadista Paulo Bragança em palco. O alinhamento para estes concertos inclui também temas mais obscuros da carreira dos Moonspell.

O disco é uma reflexão poética, musical e filosófica da banda sobre o evento de 1 de Novembro de 1755 em Lisboa e as suas repercussões no mundo civilizado. Serão 10 temas que na carreira da banda encontram ecos longínquos em discos como "Under the Moonspell" ou "Alpha Noir" mas que apresentam, sobretudo, uns Moonspell como nunca os ouviram a cantar um Portugal e uma Lisboa que não é solarenga, nem turística, nem luminosa.

É um disco de raiz Metal, com riffs vibrantes, orquestrações épicas e vozes e letras que testemunham a agonia daquele dia. A banda preocupou-se também em recriar a época, existindo uma fusão com elementos percussivos e melódicos que remete para os fins do século e para a atmosfera que se vivia na capital portuguesa na altura.

Um disco histórico, rigoroso e sério. A besta negra que fazia falta à Música contemporânea em Portugal.

MANEL CRUZ | "Ainda Não Acabei"


É da mesma forma inócua com que se reinventa de projeto em projeto que Manel Cruz mostra, em primeira mão, uma das canções que fazem parte do roster dos principais festivais portugueses durante os próximos meses.

"Ainda Não Acabei", como o ex-líder da banda de culto Ornatos Violeta avisa, é uma nova etapa da vida musical de Manel Cruz, a sucessora de Estação de Serviço. Assim, Extensão de Serviço faz-se acompanhar dos suspeitos do costume: Nico Tricot, Edu Silva e António Serginho.

A Extensão de Serviço passa pelo Festival MIMO Portugal, em Amarante, já este domingo e pelo Festival MIMO, no Brasil, em Novembro.


LISBOA STRING TRIO EM CONCERTO


Agenda:

14 de Agosto - Festival Bons Sons, Cem Soldos

17 de Agosto - Jazz na Quinta, Quinta da Regaleira (Sintra)

www.facebook.com/lisboastringtrio

XINOBI | CCBEAT

21/07/2017

INDIE MUSIC FEST | Novas Confirmações

O Indie Music Fest apresenta mais cinco nomes para se juntarem ao Bosque do Choupal, em Baltar, nos dias 31 de Agosto, 1 e 2 de Setembro de 2017, para uma edição que promete ser histórica e que conta com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Paredes. Uma união há muito desejada e que agora ilustra esta celebração recheada de muitas surpresas. Para já as recentes confirmações para a edição 2017 do Indie Music Fest.

Um dos nomes bastantes aguardados no Bosque do Choupal é sem duvida o de Manuel Fúria. O artista multifacetado vem apresentar o seu recente registo ”Viva Fúria”, álbum este já reconhecido como um dos grandes trabalhos de 2017. Voz afinada para debitar ilustrações lusófonas juntamente com Os Náufragos que são para além de Manuel Fúria na voz e guitarra, Tomás Cruz na guitarra baixo e vozes, Tiago Brito na guitarra, Francisca Aires Mateus em Londres, Nuno Carrolo Santos na reserva, Carolina Bernardo nas vozes, Tomás Branco Gonçalves nas teclas e Vasco Magalhães na bateria.

Do coração alentejano, o groove synth-prog- pop-rock dos Marvel Lima. O Bosque vai ser invadido por uma mistura de géneros, onde o rock psicadélico, congas e groove marcam na criativa secção rítmica e na fusão pelas texturas sintetizadas influenciadas pelos anos 70.

Batidas electrónicas, ambientes Indie e melodias Pop caracterizam a sonoridade do portuense Jonny Abbey, onde a guitarra e os teclados são os instrumentos de eleição para uma combinação desinibidora do digital com o analógico. O álbum de estreia “Unwinding” leva-nos a viajar por ambientes alternativos, mantendo sempre a vertente “catchy” do estilo Synth-Pop. O ritmo urbano em perfeita harmonia com a natureza. Vai ser interessante.

O jazz também vai marcar posição neste edição do Indie Music Fest com Phantom Trio. A música deste trio é um espaço de acção e um laboratório sónico. Experimentemos ver e ouvir Fábio Almeida nos Saxofones, Sérgio Tavares no Contrabaixo e João Martins na Bateria.

Paulo Barreto irá para um dos palcos IMF com vários músicos, defender as canções de “EP of the Year”. Deixará fluir ritmos mais dançantes, deixará o Bosque do Choupal rendido nesta quinta edição, com o espírito Los Luchos no encontro entre as colunas e os nossos ouvidos.
É para dançar! É para festejar!

A estes nomes juntam-se ao Indie Music Fest 2017 os já anunciados Conjunto Corona, Them Flying Monkeys, Twins Transistors, Heavy Cross of Flowers, Paraguaii, The Miami Flu, Lucky Who, Moon Preachers, Killadelphia e El Señor.

Os bilhetes estão à venda na bol e nos locais habituais a um preço exclusivo para os amantes da nova musica nacional. Passe Geral - 3 dias: 25,00€ até dia 23 de Juho. Depois do dia 24 de Julho, passe geral a 30€ com oferta da t-shirt do festival (limitado a 150 unidades).

"JUNTOS AO VIVO NO THEATRO CIRCO" É DISCO DE OURO


"Jorge Palma & Sérgio Godinho - Juntos ao Vivo no Theatro Circo", o registo histórico que reúne duas das figuras mais preponderantes do panorama musical português atingiu o galardão de ouro. O álbum ao vivo que foi editado em duas versões, uma deluxe com 2 CD DVD, e outra, com apenas um CD foi captado em duas noites na histórica sala da cidade de Braga.

Estamos muito contentes por estar juntos’ foi a primeira frase que os músicos ouviram, no primeiro ensaio, mesmo sem ninguém ter dito isso. Ia dar certo. Deu certo.” Assim escreveu Sérgio Godinho, sobre o arranque desta parceria que correu o país, passando pelos mais diversos palcos de inúmeras cidades e festivais, onde se apresentaram os mais de "135 anos de música" que ambos os artistas representam.

O meu prazer em ouvir as canções do Sérgio é genuíno desde sempre e cantá-las tem sido minha prática comum - quando o fazemos em conjunto esse gozo aumenta exponencialmente", escreveu Jorge Palma aquando da edição deste registo ao vivo onde estão alguns dos mais consistentes e criativos músicos nacionais – Nuno Rafael e Pedro Vidal, responsáveis pela direcção musical, nas guitarras; Nuno Lucas no baixo; João Cardoso nas teclas; e João Correia e Sérgio Nascimento, num admirável jogo de energia e sensibilidade nas duas baterias e percussões.


BEA | "Don't Care"


A Music For All acaba de apresentar aquela que promete ser a próxima sensação da música nacional. Dá pelo nome de BEA e estreia agora o seu primeiro single, "Don't Care". 

Esta é uma autêntica onda de rebeldia e festa mergulhada numa sonoridade pop, r&b e soul, criando uma identidade marcada pela atitude, poder e sensualidade.

A cantora revela-se ao público português num tema que antecipa a edição do seu EP de Estreia, com edição marcada para o último trimestre de 2017


VÍDEOCLIP | "Guna Não Pára" - João Pequeno


"Guna não pára" é o novo single de João Pequeno e, à semelhança dos singles anteriores, é um tema da sua autoria.

Neste single João Pequeno conta a história de Siga, conhecido no Porto como o "Rei da Pasteleira" e que acabou por marcar a sua adolescência:

"Siga era o miúdo mais temido na zona onde eu cresci, na Foz, Porto. Todos conheciam as suas histórias de assaltos a pessoas, a motas, carros e até autocarros e carros de polícia. Tudo isto até aos 16 anos. Dizia que não ia ser preso. Antes disso ia roubar um avião e despenhar-se contra a 15ª Esquadra, a esquadra da Foz onde era detido com frequência mas temporariamente.

Quando parava à porta da minha escola causava o terror entre os alunos e eu sabia que tinha de o conhecer para ficar a salvo. E, pensando bem, talvez esse tenha sido o primeiro motivo para hoje eu fazer Rap. Através do Siga conheci alguns gunas* com quem frequentei os bairros e tomei contacto directo com o Hip Hop. Se não tivesse conhecido o Siga talvez nunca me tivesse tornado Rapper."

O vídeo foi gravado nas ruas do Porto e realizado por T. Zimmermann.


JOANA BARRA VAZ | III Ciclo de Música Portuguesa Avecultural 2017

CACIQUE´97 | Cine Incrível Almada

20/07/2017

JAMESON URBAN ROUTES | Musicbox


Cá está! Regressa em Outubro o festival do Musicbox - Jameson Urban Routes.

De 24 a 28 de Outubro serão cinco dias, 13 sessões, 26 projetos musicais, 34 horas de música que pretendem explorar e dar a conhecer algumas das tendências globais bem como olhar sobre o ombro e perceber que herança e relevância o passado continua a ter nas nossas vidas. E com estas somas, fazer futurologia.

Primeiros destaques desta edição vão para a estreia dos históricos dinamarqueses Laid Back, para o raro momento que é juntar em palco os Black Bombaim com Peter Brotzmann, para o concerto de apresentação do novo disco de Actress, para o regresso ao Musicbox de Os Terno e You Can’t Win Charlie Brow e para a grande surpresa nacional de 2017, os Scúru Fitchádu.

O cartaz que começa agora a compor-se terá novos desenvolvimentos em breve. Os bilhetes para as sessões apresentadas já estão à venda na rede BOL.

FESTIVAL RODELLUS | Ruílhe


O Rodellus, festival de música urbana em cenário campestre, regressa a Ruílhe para a sua terceira edição nos dias 27, 28 e 29 de Julho. Este não é um festival para quem receia enfrentar o campo, antes pelo contrário: é feito por e para aqueles que sentem que a experiência não está completa a não ser que a consigam sentir nos próprios poros. E, depois de três anos de cultivo intensivo, apresenta-se mais maduro do que nunca, com o charme do costume e promessa de novidade.

Como não poderia deixar de ser, manteve-se o foco num cartaz variado e apetecível, com bandas já conhecidas do público festivaleiro e outras tantas que já andam a despertar interesse aos ouvidos mais curiosos. São nomes como Stone Dead, Conjunto Corona, First Breath After Coma ou The Sunflowers que vêm garantir a qualidade a que já foram habituando diversos palcos – e reforçar a aposta na música nacional –, e são os estrangeiros Fai Baba, nascidos de adubo suíço e nova iorquino, que anunciam em bom tom a descoberta de novas sonoridades, enfatizando a suavidade e o vigor que tão bem caracterizam a atmosfera do Rodellus. 

Contudo, como não só de espírito festeiro se faz este ecossistema, serão introduzidas este ano as Sessões Rurais, que promovem a solidariedade e a inclusão. Tudo isto por uma módica quantia de 15 euros e a uma distância encurtada por parcerias com a CP e a TUB-Transportes Urbanos de Braga, para que ninguém se veja perdido no meio de um outro milharal que não traz música.

FESTIVAL VIANA BATE FORTE | Viana do Castelo


Depois do sucesso da edição de estreia, em 2016, que levou milhares de pessoas ao centro histórico de Viana do Castelo, o festival Viana Bate Forte, regressa em 2017 nos dias 15 e 16 de Setembro, com alguns dos maiores nomes da música nacional, como Pedro Abrunhosa, Salvador Sobral, Richie Campbell, Dengaz, Capitão Fausto, Jimmy P ou Luísa Sobral, entre muitos outros.

O evento, de entrada gratuita pretende, não apenas, trazer oferta cultural diversificada à cidade, aos seus habitantes e visitantes, como promover projectos musicais locais e artistas internacionais, como é o caso de Julian Burdock e Marcelinho da Lua.

Organizado pela Câmara Municipal de Viana do Castelo, Viana Bate Forte decorre no centro histórico da cidade, tendo por cenário os vários monumentos, edifícios centenários e o Rio Lima, um património que afirma cada vez mais o distrito como um dos destinos turísticos mais importantes de Portugal.

Este ano o evento chega a um novo espaço: além do Palco da República (na Praça da República), do Palco de Pedra (na Porta Mexia Galvão) e do Palco da Erva (na Praça da Erva), haverá ainda o Palco da Liberdade (na Praça da Liberdade).

KUMPANIA ALGAZARRA | Festival Folk Celta

19/07/2017

LUÍS SEVERO | Vila Real


No próximo dia 27 de Julho, Luís Severo marca presença no Sons ao Largo, em Vila Real. O artista apresenta as canções do seu mais recente disco homónimo, no Largo da Capela Nova, a partir das 22.00h. 

TRC ZIGURFEST | Lamego


A espera foi longa mas o TRC ZigurFest está de volta a Lamego de 31 de Agosto a 2 de Setembro, sob o signo da descoberta, do novo e do desafiante.

Sem mais demoras, é com gosto que anunciamos que Harmonies (Joana Gama, Ricardo Jacinto e Luís Fernandes), Stone Dead e The Rite of Trio são as três primeiras confirmações para o TRC ZigurFest 17.

Para além disso e invocando a boa onda do passado, anunciamos também o Warm-up ZigurFest 17 que antecipa a 7ª edição do festival e que decorrerá no dia 28 de julho no Maus Hábitos, no Porto. 

Para ajudar com os exercícios de aquecimento foram convidados alguns dos nomes que já fizeram parte do festival no passado, como BlacKoyote, os Galo Cant'Às Duas, os Baleia Baleia Baleia. O dj-set desta noite é assegurado pelas MoneyHoney.

As restantes novidades serão anunciadas ao longo dos próximos dias.

DIRON ANIMAL | "Dont´Stop"


Nascido e criado nos guetos de Cazenga, na capital Angolana, Luanda, Diron Animal, vocalista do colectivo Throes + The Shine estreia-se agora a solo com "Don't Stop", primeiro avanço do álbum de estreia "Alone" com lançamento marcado para Outubro.

A viver em Portugal há alguns anos, Diron Animal é reconhecido pela sua incrível presença em palco e pelos trajes sui generis. Influenciado pela música africana, Diron junta-lhe neste álbum algumas componentes eletrónicas para passar uma mensagem, em diferentes línguas (Português, Inglês e Kimbundo), do contexto árduo em que cresceu, envolvido em pessimismo, ganância e ambição desmedida, contexto que no entanto o ensinou a viver aproveitando as oportunidades, com esperança e canalizando todas as dificuldades para a criatividade.

Os riffs de baixo e o som único do Saxofone unem-se de forma singular para este "Don't Stop" que conta com um video igualmente fascinante para apresentar, de forma marcante, este novo projecto.

DEVESA SUNSET´17 | Vila Nova de Famalicão

CASA DAS ARTES DO PORTO APRESENTA

18/07/2017

PAULO DE CARVALHO | "Duetos"


Nome incontornável na música portuguesa das últimas décadas, Paulo de Carvalho assinalou os seus 55 anos de carreira com o lançamento de um novo álbum, intitulado “Duetos”, que acaba de atingir o 1.º lugar do top de vendas nacional.

Estes 55 anos de carreira, e 70 anos de vida, foram celebrados de forma muito especial num concerto inesquecível na Praça do Município, em Lisboa, onde esteve acompanhado da Orquestra de Câmara da GNR e de alguns convidados do disco “Duetos”, nomeadamente Carlos do Carmo, Tozé Brito, Agir, Mafalda Sachetti e Tatanka.

“Duetos”, o novo disco de Paulo de Carvalho, reúne várias vozes importantes da música portuguesa de diferentes gerações.

Entre os convidados deste “Duetos" estão artistas como Carlos do Carmo (no icónico "Lisboa Menina e Moça”), António Zambujo (“Os Meninos de Huambo”), Camané (canta em “Os Putos”), Raquel Tavares (“O Homem das Castanhas”), José Cid (“Nini Dos Meus Quinze Anos”), Diogo Piçarra (“Flor Sem Tempo”) ou Marisa Liz (no histórico “E Depois Do Adeus”, que serviu como primeira senha no 25 de Abril de 1974).

CAMANÉ | “Camané canta Marceneiro”


“Camané canta Marceneiro”, o novo álbum de Camané, é editado dia 6 de Outubro. Inicialmente previsto para Maio, a edição de “Camané canta Marceneiro” acabou por ser adiada resultado da decisão de registar em DVD a apresentação do álbum ao vivo no palco da Culturgest perante uma assistência de apenas 100 pessoas.

A edição deste novo álbum concretiza uma vontade antiga de Camané em realizar uma homenagem a uma das suas maiores referências. “Queria entrar naqueles fados de forma verdadeira, sem imitar o Marceneiro. Mas tive primeiro de fazer o meu caminho. De criar o meu reportório. Só agora chegou o momento em que me consigo identificar tantos com os sentimentos vividos, como com os acontecimentos passados.”

Sucessor de “Infinito Presente”, editado em Maio de 2015, “Camané canta Marceneiro”, o seu oitavo registo de estúdio, conta, como os discos anteriores, com a produção, arranjos e direcção musical de José Mário Branco que co-assina com Manuela de Freitas a supervisão artística.

LUÍSA SOBRAL ATINGE DISCO DE OURO COM "LU-PU-I-PI-SA-PA"


"Lu-Pu-I-Pi-Sa-Pa", o álbum de Luísa Sobral dedicado aos mais novos, acaba de atingir a marca de Disco de Ouro no mercado português, por vendas superiores a 7.500 exemplares, ao mesmo tempo que o video do single de estreia "João" chega aos 4 milhões de visualizações no YouTube/VEVO.

Este feito surge a poucos dias da actuação de Luisa Sobral no festival EDP Cool Jazz, em Oeiras, a 26 de Julho.

Além do sucesso alcançado com "Lu-Pu-I-Pi-Sa-Pa", o mais recente álbum de Luísa Sobral, "Luísa", continua no top 30 de vendas nacional, oito meses após o seu lançamento e a caminho do Disco de Ouro.

Antes de actuar no EDP Cool Jazz, Luísa Sobral tem um concerto marcado em Espanha, na próxima segunda-feira, 24 de Julho, no Teatro Real em Madrid, no âmbito do Universal Music Festival. 

O álbum "Luísa" já foi editado em Espanha, onde tem recebido rasgados elogios. Elvira Lindo, autora da famosa saga de Manolito Gafotas, dedicou-lhe uma página no jornal "El País", onde destacou as "pequenas histórias interpretadas por esta voz peculiar que não se confunde com nenhuma outra".

BACK TO THE ROOTS - HIP-HOP SESSION | Barreiro

17/07/2017

"OLD HABITS” DE MINTA & THE BROOK TROUT GANHOU A COMPETIÇÃO DE VÍDEOS MUSICAIS DO CURTAS VILA DO CONDE


"Old Habits” de Minta & The Brook Trout ganhou a competição de vídeos musicais do Curtas Vila do Conde.

"Se a nomeação já tinha sido uma belíssima surpresa, ter ficado com o prémio, tendo em conta a concorrência de altíssimo gabarito, é uma honra. Estamos muito gratos ao júri do festival, ao João Nicolau, e a toda a equipa que construiu este vídeo, feito de um só plano, sem cortes, numa noite quente do verão passado."

Agenda:

22 de Julho - Castelo de Paiva, Festival Confluências 

23 de Julho - Viseu, Festival de Jazz


KATIA GUERREIRO | Agenda


O Verão de Katia Guerreiro é passado em viagens sempre com o Fado na bagagem!

Nos dias 28 e 29 de Julho, a fadista estará no Forte de Santa Catarina na Figueira da Foz e no Europarque, em Santa Maria da Feira.

Em Agosto, dia 11, Nisa em Festa com a Orquestra Clássica do Sul, e dia 19, Katia Guerreiro é convidada especial dos NOIDZ. O mês não termina sem a sua participação nas Festas do Mar, em Cascais, dia 23.

O fim do Verão, leva a fadista ao continente africano para o Festival Caixa: em Luanda dia 26 e em Benguela dia 28 de Outubro. França e Espanha também estão na agenda, no final do ano. 

www.katiaguerreiro.com

RODRIGO LEÃO EM CONCERTO


Agenda:

18 de Julho - Cartagena, Espanha (23.00h)

21 de Julho - Teatro das Figuras, Faro (21.30h)

22 de Julho - Cineteatro dos Bombeiros Voluntários, Vila Praia de Âncora (21.00h)

26 de Julho - Rosenfelspark, Lörrach (20.00h)

05 de Agosto - Forte de Santa Catarina, Figueira da Foz

09 de Agosto - Teatro Colón, La Corunha, Galiza (Festival Noroeste Estrella Galicia)

14 de Agosto - Cem Soldos, Tomar (Festival Bons Sons)

19 de Agosto - Espinho (Festival OITO24)

www.rodrigoleao.pt

FESTIVAL MÊDA +

15/07/2017

O SOL DA CAPARICA TAMBÉM É DAS CRIANÇAS!


O Sol da Caparica também é festival de brincadeiras e das crianças! Os mais pequenos já têm o dia marcado na agenda: 13 de Agosto é o dia em que vão mandar n’O Sol da Caparica e viajar, de brincadeira em brincadeira, com um passaporte especial onde vão poder guardar os carimbos de muitas e belas memórias. E depois há a programação musical de luxo, com o projecto Mão Verde de Capicua e Pedro Geraldes, Rita Guerra e a Palavra Cantada.

URBAN TALES | "All Said and Done"


Foi ontem apresentado o terceiro single dos Lisboetas Urban Tales. O tema denominado de "All Said and Done", conta com a cantora e instrumentista Sofia Pires e situa-se numa onda entre o rock e a balada. A capa do single desta vez esteve a cargo do Islandês Kjartan Gudmundur.

A distribuição digital fica a cargo da Editora Farol Música.

VIVIANE | "Sirdele Mano"


Já está disponível nas plataformas digitais a inesperada e muito aplaudida versão de "Sirdele Mano", emblemática canção Lituana, na voz de Viviane.

Esta "aventura" de cantar um tema em lituano tornou-se um dos momentos altos da tournée que a cantora portuguesa fez no passado mês de Junho por várias cidades da Lituânia e que constituiu assinalável sucesso, com lotações esgotadas e a completa adesão do público local, havendo já várias propostas para um regresso em breve.

Ficou uma vez mais provado que, quando a qualidade existe, a música não tem fronteiras e é ponto de união entre culturas e povos, por diferentes que possam parecer.

Durante a estadia naquele país Báltico, Viviane realizou também um videoclip do mesmo tema.


BARRY WHITE GONE WRONG | Agenda


Agenda:

15 de Julho - Willebroek, Bélgica

16 de Julho - Willebroek, Bélgica

21 de Julho - O Ferroviário, Lisboa

22 de Julho (tarde) - Piquenique Dançante na Relva, Casa das Artes, Porto

22 de Julho (noite) - CRU, Famalicão

24 de Julho - Fortaleza de Sesimbra

02 de Setembro - Olhos Music Festival, Olhos de Fervença

15 de Setembro - Cine Incrível, Almada

10 de Novembro - Will’s Rock Club, Lousada

www.facebook.com/BarryWhiteGoneWrong

DEAD COMBO EM CONCERTO

/>